noticia
13/12/2017 - 22:38
Tamanho da Fonte
 
 
45ª Exposul registra o maior público dos últimos anos, “Já fazia muito tempo que a gente não via a Exposul tão cheia assim”.

45ª Exposul registra o maior público dos últimos anos

publicado em 10 de agosto de 2017

CASA CHEIA

“Já fazia muito tempo que a gente não via a Exposul tão cheia assim”. Esta frase fez coro nas vozes de muitas pessoas que visitaram o Parque de Exposições Wilmar Peres de Farias, em Rondonópolis nesta terça-feira (08), e que, ficaram maravilhados com o resultado do projeto social desenvolvido na parceria 45ª Exposul e Ministério O Pescador Sal da Terra.

img_8814 img_8815 img_8820 img_8821

Superando as expectativas, a segunda noite da 45ª Exposul abrilhantada pelo cantor gospel, Fernandinho, registrou um público de cerca de 40 mil pessoas. As ruas internas do parque, praça de alimentação e parque de diversões ficaram tomadas pelos visitantes que, antes do show fizeram questão, também, de conferir de perto o que há de mais novo em relação aos maquinários agrícolas, e, demais estandes dos mais variados segmentos comerciais, além é claro da tradicional visita às baias dos animais.

Os quatro portões do parque foram destinados para a arrecadação de alimentos não perecíveis. O custo do ingresso social foi de 02 kg de alimentos por pessoa. “A população ouviu o chamado de Deus e veio ajudar aos mais necessitados”, disse o pastor Célio Rosa, do Ministério o Pescador Sal da Terra, promotor do show. Cada visitante ao doar o alimento ganhou uma pulseira para concorrer ao sorteio de três motos e dois carros.

“Lá fora tem uma verdadeira ‘montanha’ de alimentos, eu nunca vi isso na minha vida, e olha que eu venho na Exposul já faz uns 20 anos”, disse dona Aparecida Vieira da Silva, moradora do Residencial Mathias Neves, em Rondonópolis.

As três carretas dispostas pela igreja na frente do parque de exposições ficaram lotadas de alimentos que, depois de montadas as cestas básicas, serão distribuídos à entidades filantrópicas e famílias carentes previamente cadastradas pelo ministério.

“É gratificante para nós da diretoria do Sindicato Rural sermos parceiros de uma ação solidária tão grandiosa. Sabemos que o alimento arrecadado aqui não é suficiente para acabar com a fome do mundo, mas é o necessário para ajudar num momento de dificuldade. Porém, o que mais nos cativa neste momento é a certeza de que estamos fazendo a nossa parte”, concluiu Aylon Arruda, presidente do Sindicato Rural e 45ª Exposul.

A entrega dos alimentos será definida pelos membros do ministério Pescador Sal da Terra.

 

 

Ontem (09), foi mais uma noite de sucesso de público durante a noite com o show duplo de Gustavo Mioto e Zé Neto & Cristiano. Ainda durante a tarde tivemos a abertura da 1ª Genapec, feira de melhoramento genético. Se você ainda não comprou o seu passaporte, aproveite e faça isso hoje, não perca o show de Jorge & Mateus. Pontos de venda: panificadora Vip – no Jardim Atlântico, Clip Color – na Vila Operária – West Country – no centro e Container no Shopping.

 

SINDICATO RURAL / EXPOSUL

Assessoria de Imprensa

Izabel Torres

 


Fonte: SINDICATO RURAL / EXPOSUL Assessoria de Imprensa Izabel Torres

     

 
» Últimas Notícias
31/08/2017 - Janaina Riva diz que tem “exemplo em casa” e defende que alguns delatados por Silval podem ser inocentes - A deputada estadual Janaina Riva (PMDB), amiga próxima de muitos dos políticos delatados por Silval Barbosa (PMDB), ponderou que algumas “pessoas” tiveram seus nomes estampados na delação premiada do ex-governador
31/08/2017 - Riva planejou assassinato em falso atentado para incriminar Silval, Maluf, Fabris e Savi, diz irmão de Silval - Em delação premiada, o irmão do ex-governador Silval, Antônio Barbosa, releva simulação de atentado que teria sido planejada pelo ex-deputado José Geraldo Riva contra si mesmo. O objetivo seria incriminar os deputados Guilherme Maluf,
31/08/2017 - Silval montou esquema para extorquir construtora e pagar dívida de Maggi com Piran - Silvio Cezar Correa Araujo, ex-chefe de gabinete do governador Silval Barbosa, confessou em sua delação premiada recentemente homologada pelo Supremo Tribunal Federal que um esquema foi armado em 2012 para cobrar propina da Construtora Apui. Cerca de R$ 1 milhão retornou aos bolsos do antigo chefe do Poder Executivo.